quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

BEIJOS CÓSMICOS


Por acaso te conheci
Tão bem eu me senti
Me encantei por seu sorriso e seu olhar
De você passei a gostar
Meu telefone eu te dei
Algumas palavras suas apenas esperei
Fiquei feliz em de novo poder te ver
Breves, mas lindos instantes viver
Aconteceu entre nós uma sincronia
Que encheu tudo de magia...
Quando saí de novo com você
Não fazia ideia do que podia acontecer
Passeamos e na chuva ficamos sozinhos
Deus resolveu unir nossos caminhos
De repente, você me deu um quente e gostoso abraço
Talvez aconteceria um "amasso"!
Nossos rostos se encontraram e volcê me beijou
Naquele momento, tudo parou
Meu chiclete eu engoli
Quando seu beijo eu senti
Fixamente você me olhou
Tão docemente de novo você me beijou
Algo tão macio, gostoso, cósmico e perfeito
Seus lábios tocando os meus daquele jeito
Nos braços um do outro, tudo tão profundo
Por longos momentos estávamos esquecidos do mundo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo feedback!