segunda-feira, 25 de outubro de 2010

ÁRCADE

O amor que te dedico
Devoto e nunca esqueço
É árcade, tranquilo
Natural e bucólico.
Ter nosso filho nos braços
Certeza de realizar um lindo sonho
Onde posso reconhecer o colorido do olhar
As bonitas covinhas da boca
E o sorriso inocente do pai.
Meu bem mais precioso na vida!
Preciso muito da tranquilidade
Que só tenho em teus braços, ou nossa casa
Contemplativos de todo o natural à nossa volta
A vida ideal,
Sem sobressaltos, sem qualquer interferência
Um amor profundo, suave
Reservado a nós dois
Com o perfume das florzinhas
Que crescem em nossa varanda.

Um comentário:

Obrigada pelo feedback!