quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

CONFORTO I

Hoje posso dizer
Que estou bem mais feliz
E nada se pode fazer
Pra destruir o que já se diz.
Naquele primeiro dia
Quando pegaste a minha mão
Entendi quem realmente merecia e iria
Me ajudar por ter um bom coração.
Há pouco matamos novas saudades
Mas parece que foi há muito tempo
Revelamos secretas verdades
Em palavras suaves como o vento.
Esperei por este momento toda uma vida
Porém sempre senti que iria chegar
Onde apesar de me sentir perdida
Estar ao teu lado iria me curar.
Não me deste soluções prontas
Até por isso ser impossível
Mas sempre se importou com minhas lágrimas tolas
Sendo paciente e disponível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo feedback!