segunda-feira, 25 de maio de 2009

PORTO INSEGURO


Meu porto inseguro
Presente, passado e futuro
Com a proteção de um muro
O tempo passa e eu espero por você
Meu coração se derrete ao ouvir você dizer
Que de mim tanto precisa
E que sem mim o chão racha onde você pisa
Meu porto inseguro
Minha única certeza
Profundo como um furo
Que me trata com carinho e leveza
Porto inseguro
Ao teu lado me curo
Me contento somente com seu amor
De qualquer coisa prefiro o calor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo feedback!