domingo, 5 de julho de 2015

Uma das coisas que acho mais peculiares na vida 
é o quanto nada é constante ou permanente… 
Ela acaba num piscar de olhos. 
Pessoas que eram próximas e importantes
 viram estranhas do nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo feedback!