terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Todas as noites, eu abraço a mim mesma na cama, antes de dormir. Acho que para aquecer o frio da minha alma. Para tentar reproduzir o conforto do abraço dele, de saber que ele está comigo. Que não há problema em eu sentir medo, mas que não posso deixar que ele me destrua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo feedback!